segunda-feira, 25 de maio de 2009

Ladrões de sonhos


Com certeza, você artista, trabalhador(a), enfim, pessoa de Bem, já deve ter encontrado ao longo da sua vida alguns "ladrões de sonhos". Mas se não encontrou (o que acho difícil, porque esses seres estão espalhados pelo mundo, disfarçados e escondidos aonde menos se espera), acredite, desejo de todo o coração que eles nunca cruzem o seu caminho.

Identificá-los é relativamente fácil. São aquelas criaturas que tem aparência de seres humanos, com frequência são extremamente belas, pois precisam ser assim para atrair suas vítimas, mas em seu interior são podres, secas e ocas de sentimentos, então se conseguem se aproximar das mais nobres e promissoras almas humanas, usam máscaras de amizade, muitas vezes até se casam com elas e só após algum tempo começam a mostrar sua verdadeira face.

São seres muitíssimo maliciosos, que não atacam o corpo, mas concentram suas forças para sugar a auto estima, os sonhos e as esperanças de sua presa. Se agarram ao sonho alheio como parasitas espirituais, não para se aproveitar das realizações do outro, mas para não permitir que o sonhador transforme seus ideais em realidade. Da sua boca só emanam desejos de fracasso e baixo astral. Completamente incapaz de reconhecer o êxito alheio, seu interior vibra de raiva a cada conquista do seu próximo.

Digamos que nossas palavras sejam a sinopse de nossa alma,se alguém toda vez que fala, só libera energias ruins e está sempre tentando tirar o brilho dos outros, só podemos deduzir que sua essência é baixa e má. São bandidos que não sonham, não tem horizonte e não buscam nem a própria felicidade. Vazios, não sabem sequer o que fazem aqui na Terra, não buscam seu destino, se contentam em vagar pelas ruas, distribuindo fel por onde passam, suas palavras e olhares sempre negativos nada conseguem criar, somente tentar destruir.

Se somos bons, se temos luz para ofertar a quem precisa, nossas palavras e atos serão de estímulo, encorajamento, paz e admiração. Estaremos trazendo beleza para o mundo.

Porém, na verdade, não há porque temer esses ladrões (mas devemos evitá-los sempre), são pobres diabos que julgam ter o poder de evitar a evolução das grandes pessoas, mas que não tem força nem coragem para lutar pelo próprio futuro.

Se algum dia, você, guerreiro(a) da arte, for atacado(a) por este tipo de ser, afaste-se dele e não perca mais seu tempo, palavras e pensamentos buscando vingança. Não transforme seus sonhos em pesadelos, isso seria uma vitória para o ladrão. Rebaixe o ladrão ao esquecimento. Siga em frente em seu caminho, supere desafios, ponha todos os seus planos em ação, construa seus castelos e sonhe sempre e cada vez mais.

Suba a escadaria da SUA história e quando alcançar todos os seus objetivos e estiver cercado(a) por seus verdadeiros amigos,arrisque ainda um último olhar sobre todos os degraus da sua vida... e verá que no final das contas, aquele ladrão sumiu, ficou para trás. Ou será que nunca existiu? O importante é que depois de tantas lutas, VOCÊ VENCEU!!!


*Ofereço este texto para meu pai Paulo Lettiere e minha irmã Patrícia Lettiere, os mais bravos e honrados guerreiros que já conheci. Enfrentamos e vencemos juntos, muitos destes "ladrões".



(AnaLettiere)
http://www.autoresbrasileiros.com.br/AnaLettiere/
http://entrelivrosehistoria.blogspot.com/

6 comentários:

Zana disse...

Esta poesia está devidamente registrada e amparada por lei.
Art. 32- “Ninguém pode reproduzir obra, q/ não pertença ao domínio público, a pretexto de anotá-la, ou melhorá-la, sem permissão do autor.” (Consulte Direito Autoral - Lei nº 5988, de 14 de dez. 1973)

Nobre Viking disse...

É verdade. Existem muitos ladrões de sonhos por aí. Precisamos estar sempre ligados.
Excelente texto!
PARABÉNS À AUTORA!

Ana Lettiere disse...

Muito obrigada pelo comentário e elogio.Fico imensamente feliz por sua atenção e gentis palavras.Abraços!!!

Anônimo disse...

Adorei o texto.
Parabéns!

Silvia disse...

Texto bem interessante!
Parabéns!

Ana Lettiere disse...

Agradeço a vocês de coração pelas palavras de incentivo de seus comentários!É uma grande honra saber que apreciaram meu texto!Abraços!E muita felicidade sempre,para todos!

Postar um comentário

Gostaria de saber sua opinião.